Paróquia de Bendafé - Condeixa-a-Nova

Available actions

Reader available actions

 

Paróquia de Bendafé - Condeixa-a-Nova

Description details

Description level

Fonds   Fonds

Reference code

PT/AUC/PAR/CDN03

Title type

Atribuído

Date range

1704  to  1911 

Dimension and support

63 lv.; papel

Extents

0 Álbuns

Holding entity

Arquivo da Universidade de Coimbra

Producer

Paróquia de Bendafé

Biography or history

A antiga freguesia de N. Srª da Ajuda de Bendafé, ou, dizem outros, de N. Srª da Graça foi vigairaria da apresentação do prior e beneficiados da freguesia de Santa Justa de Coimbra. Fez parte da comarca de Coimbra e mais tarde da de Penela. O Padre Carvalho refere que esta localidade era um simples lugar da freguesia de Vila Seca. Há quem escreva o nome desta freguesia como Bem da Fé.

Descriptive location

Bendafé - Condeixa-a-Nova

Custodial history

A incorporação da documentação paroquial da diocese de Coimbra no AUC iniciou-se a partir de 1921, oriunda primeiramente do Seminário de Coimbra, e depois recolhida das diversas conservatórias de registo civil do distrito de Coimbra.

Última incorporação 21-06-2007.

Acquisition information

Transferência obrigatória findos os prazos legais (100 anos) todos os cinco anos. Proveniente do Seminário de Coimbra, na 1ª fase, em 1921, e a partir de então, de forma mais ou menos regular, da Conservatória do Registo Civil de Coimbra, de acordo com a legislação aplicável.

Scope and content

Documentação formada por livros que se agrupam em quatro séries: mistos (livros que englobam registos de batismos, casamentos e óbitos ou dois dos registos anteriores); batismos; casamentos; e óbitos.

Arrangement

Organização original por séries; ordenação cronológica.

Access restrictions

O acesso é livre, salvo exemplares em mau estado de conservação.

Language of the material

Português

Other finding aid

Inventário Colectivo dos Registos Paroquiais, vol. I, Centro e Sul; inventário em versão informática Archeevo (base de dados de descrição arquivística) na WEBpage do AUC.

Notes

Existe hiato temporal nos registos de casamentos (1829-1831; 1873).